Alunos que venceram as Olimpíadas de Astronomia recebem medalhas em Taboão

 

 

Por Allan dos Reis, na região central

 

 

Os alunos da rede municipal de Taboão da Serra que conquistaram medalhas nas “Olimpíadas Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA)” de 2016 participaram na manhã desta quarta-feira (19) da cerimônia de premiação no Cemur. A competição envolve a rede de ensino de todo país e teve a participação de 14 escolas do município, incluindo a rede estadual e particular.

 

 

Alunos medalhista de ouro na OBA 2016

Alunos da Emef Professora Ester Cordeiro de Souza ganharam 173 medalhas durante Olimpíadas de Astronomia.

 

O destaque, mais uma vez, foram os alunos da Emef Professora Ester Cordeiro de Souza, que melhoram o desempenho do ano passado e conquistaram 173 medalhas, sendo 85 de ouro. Emocionada, a diretora Elisangela Ximenes explicou o sucesso da escola.

 

 

“Esse projeto acontece há cinco anos na escola. E desde 2014 a gente vem intensificando os trabalhos na sala de aula. Em 2015 fomos surpreendidos com 74 medalhas e esse ano a gente intensificou no projeto pedagógico da escola. Temos professores engajados. Os assuntos são trazidos pelo programa OBA e são tratados tanto na sala de informática quanto na sala de aula. E são inseridos com os conteúdos pedagógicos e trabalhados durante todo ano. Quando vem a prova, os alunos estão preparados”, garante Elisangela.

 

 Diretora Elisangela Ximenes da EMEF Professora Ester Cordeiro de Souza
Diretora Elisangela Ximenes celebra conquistas durante as Olimpíadas Brasileira de Astronomia.
 
 
 

Para o secretário de educação João Medeiros, um dos pilares do sucesso da educação em Taboão da Serra, que teve a melhor nota da região no Ideb de 2015, é a participação dos pais no acompanhamento escolar. “Todas as pesquisas dizem que com a presença da família, as pessoas [crianças] têm tudo para dar certo. Por isso os pais tem que se interessar pela educação dos filhos”, destaca.

 

 

Alunos mostram medalha da OBA 2016

 

 

A emoção contagiou os amigos do quarto ano Andrei Goulart e João Gabriel, que se abraçavam após receberem as medalhas. “Chorei de emoção porque ganhei a medalha”, diz Andrei. “Estou muito emocionado”, completou João.

Em seu discurso, o prefeito reeleito Fernando Fernandes (PSDB) traçou um paralelo entre a educação e os super-heróis.

“Tem uma super-herói mais importante que não aparece. É o super-herói da educação. Aquele que estudou e depois conseguiu fazer, por exemplo, uma descoberta científica, uma vacina, que não salva apenas uma família, mas milhões de pessoas. Aquele super-herói que conseguiu fazer o homem através da educação chegar a lua, o que inventou o carro, o avião. E sabe como eles começaram, como vocês [alunos], que são nossos super-heróis do futuro”, enalteceu Fernandes.

Os vereadores Cido (DEM) e Ronaldo Onishi (SD) também destacaram a qualidade da educação no município e reforçaram a importância dos estudos para que almejem os jovens possam conquistar seus objetivos. O vice-prefeito Laércio Lopes também estava na cerimônia.

 

Fernando Fernandes Cido e Ronaldo Onishi durante Olimpiadas Brasileira de Astronomia

                           Prefeito Fernando Fernandes e os vereadores Cido e Ronaldo Onishi.

 

 

 

Fonte: Taboão em Foco